Nossa Senhora das Graças

No dia 27 de novembro de 1830, algo extraordinário aconteceu na Rua du Bac, 140, em Paris, França. Catarina Labouré, noviça da congregação da Filhas da Caridade, fundada por São Vicente de Paulo, foi à capela do convento para rezar. Lá, ela teve a visão e a revelação de Nossa Senhora das Graças.

Nesta revelação, uma frase de Nossa Senhora me chama a atenção. Maria disse a Catarina Labouré: “Tenho muitas graças para dar a todos os meus filhos, mas eles não me pedem…”

Trata-se de uma mensagem chocante e, ao mesmo tempo, animadora. Chocante porque Maria age e sente como Mãe. A mãe sabe do que seu filho precisa. E, aqui, Maria nos revela que tem condições de dar aquilo de que seus filhos precisam. Por isso, essa frase é um lamento de mãe que ama, quer o bem de seus filhos, pode ajudar seus filhos, mas muitos filhos ignoram tal mãe.

Nesta mensagem, Nossa Senhora está se referindo a dois tipos de graças. O primeiro tipo são as graças especiais e necessárias para a nossa salvação, para que cheguemos ao conhecimento de seu filho Jesus Cristo – esta é a maior graça que podemos receber em nossa vida e ela pode chegar até nós pelas mãos de Maria. Maria não nos leva “para ela”. Ela nos leva “para Jesus”. Ela sabe que seu Filho é a única fonte de salvação.

O segundo tipo são aquelas graças de que precisamos para a nossa vida terrena. Quem não precisa de alguma graça especial agora, neste exato momento em que lê este artigo? Todos nós precisamos. Porém, Nossa Senhora lamenta que não estejamos pedindo a ela e, por conseguinte, não estamos recebendo aquilo que poderíamos receber, se pedíssemos.

Porque será que não recorremos a ela? Porque será que não pedimos a ela? São Bernardo dizia que “Nunca se ouviu dizer de alguém que tenha recorrido à Virgem Maria e ficasse sem ser atendido”. Talvez não peçamos a ela por não sabermos que ela tem graças para nos dar. Ou, talvez, porque não saibamos “como” pedir.

Um meio eficaz, testado ao longo dos séculos, é através da oração do terço. Sim. Esta oração simples, humilde, que tem os mistérios específicos para cada dia da semana é um caminho maravilhoso e eficaz para conversarmos com a Mãe e pedirmos a ela as graças que precisamos.

Nossa Senhora das Graças tem graças especiais para dar a você! Você já pensou nisso? Os raios que saem de suas mãos na imagem de Nossa Senhora das Graças simbolizam tudo o que ela pode lhe dar. Ela pode lhe dar muito. Muito mais do que você imagina. Ela é mãe cheia de amor. Ela é “Cheia de graça”, como o anjo Gabriel a saudou (Lucas 1, 28).

Por isso, peça. Peça a ela com confiança, sabendo que ela quer e pode dar aquilo de que você precisa. Reze o terço com perseverança e espere com fé, sabendo que as graças virão pela intercessão de sua Mãe do Céu.

Oração a Nossa Senhora das Graças
Nossa Senhora das Graças, medianeira entre os homens e vosso Divino Filho Nosso Senhor Jesus Cristo, ouvi propícia a prece que vos faço. Auxiliai-me, Senhora, socorrei-me na aflição. Pelo Sangue derramado na cruz de Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso amantíssimo Filho, peço-vos, Senhora, a graça de… (pedir a graça).

Fostes escolhida pelo vosso Divino Filho para nossa advogada e protetora. Desde que subistes ao céu, jamais cessastes de operar milagres e de atender às orações dos que recorrem a vós, Nossa Senhora das Graças. Maria Santíssima possuís um inesgotável tesouro de graças. Tenho fé, Senhora, que não me faltareis com o vosso auxílio e que, apesar dos meus pecados, me concedereis a graça que, cheio de confiança em vós, vos rogo. Assim seja!
(Rezar 3 Aves Marias)

 

 

Clique aqui para ver todos os modelos

 


 

Vicente AbreuDiretor de programa e roteirista na Tv seculo 21.
Criação, roteiro e direção,  dramaturgia e  campanhas.
Ensino superior: PUCCamp Campinas Filosofia e Teologia
Google Plus

 

Share Button

One Response to Nossa Senhora das Graças

  1. A religião católica é um instituição religiosa linda. Muitas coisas a diferencia das outras religiões, mas a Santa Ceia celebrada pela Santa Igreja é ímpar. Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo, e que a Trindade preserve a integridade dessa Igreja maravilhosa, fundada em uma rocha firmemente eterna. Amém.

Deixe um comentário

Seu email não será publicado. Campos com * são obrigatórios